quarta-feira, 25 de abril de 2018

Cacau: governos devem ajudar produtor a lidar com volatilidade, diz consultoria

Durante a Conferência Mundial do Cacau, em Berlim, David Short recomendou medidas como um processo mais robusto de diversificação de culturas

Por Estadão Conteúdo
 Por Estadão Conteúdo
cacau (Foto: Globo Rural)
Governos precisam adotar mais medidas para ajudar produtores de cacau a lidar com os efeitos da volatilidade de preços, disse nesta terça-feira (24) David Short, da consultoria Aidenvironment. Durante a Conferência Mundial do Cacau, em Berlim, Short recomendou medidas como gestão de oferta, zoneamento de terras e um processo mais robusto de diversificação de culturas. Ele disse também que a cooperação entre países produtores precisa ser mais forte. Além disso, os bancos precisam incluir a gestão de risco no processo de financiamento aos produtores, observou.

Edward George, chefe de pesquisa do Ecobank, concorda que deve haver mais cooperação entre países produtores. Segundo ele, na próxima temporada os conselhos de cacau da Costa do Marfim e de Gana, os dois maiores produtores mundiais, devem anunciar simultaneamente os preços ao produtor. Isso deve ajudar a conter o contrabando de cacau na fronteira entre os dois países, de 100 mil toneladas por ano, disse George.
fonte: https://revistagloborural.globo.com/Noticias/Agricultura/noticia/2018/04/globo-rural-cacau-governos-devem-ajudar-produtor-a-lidar-com-volatilidade-diz-consultoria.html
Postar um comentário